Blog

Mercado automotivo, o que esperar até o final do ano?

Além do setor imobiliário, a pandemia acertou em cheio o mercado automotivo que também sofreu graves quedas neste ano de 2020. Como o crédito tem influência direta e importante na hora do consumidor adquirir um carro ou uma moto, a recuperação da taxa de emprego e renda são responsáveis por reestabelecer a confiança do cliente na hora dele adquirir um bem.

Cerca de 47,45% das lojas de todo os país estão em busca de novas soluções  para manter suas vendas e  11,73% dessas cogitam a possibilidade de fechamento de suas concessionárias.

Com o aumento do preço de produtos essenciais , o consumidor brasileiro hoje, se vê com receio e vem considerando a compra de um carro como algo para se deixar para depois que a pandemia acabar.

O que a longo prazo se torna uma esperança para movimentação da economia. Estimasse que com a reabertura das lojas e evacuação dos estoques o mercado automotivo tenha uma considerável taxa de crescimento, principalmente pela volta dos cidadãos a sua rotina de trabalho.

Um carro ou uma moto se tornaram essenciais para agilizar todo processo de deslocamento de uma pessoa até seu local de trabalho e mesmo com todas as medidas preventivas e uma possível vacina, ainda existirá o medo da utilização do transporte público.

Para você lojista que ainda não sabe se continuar investindo no ramo automotivo é uma boa ideia, tente se manter ativo de forma criativa nas redes da sua empresa e acompanhe o que o seu público tem a informar sobre. Por mais que em 2020 houve uma grande oscilação no mercado, as expectativas para 2021 são grandes e você não deve perder a oportunidade de fazer seu negócio crescer.

Comentários

Deixe um comentário